FALE AGORA COM O COMERCIAL

Fale agora com o Comercial

REDES SOCIAIS

ATENDIMENTO

Cartilha de segurança: Segurança em dispositivos móveis

Home > Segurança  > Cartilha de segurança: Segurança em dispositivos móveis

Atualmente no Brasil há 230 milhões de celulares ativos, o equivalente a mais de um aparelho por habitante. Os dispositivos estão sempre conosco e usamos o tempo todo. Os sistemas, aplicativos e os navegadores dos smartphones coletam dados pessoais sobre os usuários constantemente.
Além do risco de perda, furto ou roubo dos aparelhos, os smartphones tornaram-se alvos dos hackers e assim como os computadores, podem ser infectados por malwares.

Em geral, as recomendações de segurança são as mesmas para computadores e notebooks.
Mas, apresentaremos a seguir outros cuidados que devem ser tomados:

Em dispositivos Android utilizar um antivírus que além de bloquear ataques, possuem funções anti-furto (limpar o celular remotamente, ativar câmera frontal, soar alarme, entre outros). O IOS é um sistema mais restrito, logo não há antivírus disponíveis na App Store, no entanto, conta com outros aplicativos para para proteger o usuário de phishing, spam, intercepção de dados pela rede e o anti-furto; Instalar aplicativos por meio das lojas oficiais e com boa reputação; Não clicar em links suspeitos; Ativar a autenticação em dois fatores; Instalar os patches de segurança fornecidos pela fabricante do aparelho; E por último, ao revender um aparelho, restaure a opções de fábrica, desta forma, os dados pessoais serão apagados.

Golpes

  • SIM Swap

O golpe SIM Swap consiste em vincular um chip novo com o número de outra pessoa. Com a linha da vítima ativada, é possível recuperar senhas via SMS e acessar o WhatsApp, em seguida, o golpista envia mensagens para os contatos solicitando depósitos imediatos.

  • Link Retrospectiva Whatsapp

Um link compartilhado via Whatsapp com uma mensagem dizendo que pode gerar uma retrospectiva de 2018, com fotos, status e conversas. Ao clicar no link para fazer a suposta retrospectiva, é exibido um alerta para instalar um aplicativo falso de Segurança WhatsApp. O objetivo do golpe é ganhar dinheiro com publicidade em sites falsos e obter dados pessoais das vítimas.

O que fazer quando o celular for roubado

  • Registrar boletim de ocorrência.
  • Solicitar o bloqueio do IMEI para a operadora, pode consultar o número na caixa do aparelho ou ligar para “*#06#” que o número será exibido na tela. O aparelho não poderá se conectar aos dados móveis e realizar ligações.
  • Bloquear o chip da operadora pelo site ou ligando para a central de atendimento.
  • Alterar as senhas que estão salvas no aparelho.
  • Localizar e apagar todos os dados do aparelho remotamente.

Aí vão algumas sugestões de aplicativos:

Serviço para encontrar, bloquear ou limpar o smartphone remotamente para dispositivos Android.

Aparelhos IOS podem ser localizados via iCloud.

O Google Authenticator gera códigos para a verificação em duas etapas no seu smartphone.

Solução anti-roubo a qual possui várias funções para recuperar o celular perdido ou roubado. Disponível apenas para Android.

Seu dispositivo móvel está seguro? Que tal dar uma conferida e aplicar essas dicas?

The following two tabs change content below.
Analista de Suporte na MAV Tecnologia.





×
shares